Terca-Feira, 23 de janeiro de 2018 | login

Dia do Campo Limpo - 2017 - Serra Negra

qui, 21/12/2017 - 09:59 -- consorcio

A Prefeitura Municipal de Serra Negra por meio da secretaria da Agricultura e Desenvolvimento Rural e do CATI ( Coordenadoria de Assistência Técnica Integral), com apoio do Sindicato Rural e Agropecuária Ditinho,  realizou na última quarta-feira (13), das 11h às 16h, no Recinto Casco de Ouro, localizado na Av. Juca Preto, s/n, Alto das Palmeiras, a campanha de recolhimento de embalagens vazias de agrotóxicos.

Os agricultores estiveram presentes nos pontos e horários estabelecidos nos roteiros para entregar seus recipientes. É obrigatória a realização da tríplice lavagem nas embalagens rígidas imediatamente após o produtor utilizar a última dose do agrotóxico. Para tanto, deve esvaziar totalmente o conteúdo da embalagem no pulverizador, adicionar um quarto de água ao recipiente, tampar bem, agitar por 30 segundos e despejar a água no tanque do pulverizador, repetindo o procedimento durante três vezes.

Importante para o meio ambiente, a ação visa a retirada das embalagens que teriam os mais diferentes destinos, como fogo, aterramento ou rios, segundo relato dos próprios produtores e passam a ser destinadas corretamente para a ADIAESP - Associação dos Distribuidores de Insumos Agrícolas do Estado de SP. Após o recebimento, as embalagens são encaminhadas ao posto de recebimento de Valinhos/SP e seguem para a central da ADIAESP em Piedade/SP. Chegando lá, as embalagens são separadas e aquelas que passaram pela Tríplice Lavagem são prensadas e enviadas para a reciclagem aonde serão transformados novamente em embalagens de agrotóxicos. Porém, aquelas que não foram lavadas seguem para incineradores próprios e licenciados, cadastrados pelo INPEV para esta finalidade. POR ISSO É TÃO IMPORTANTE REALIZAR A TRIPLICE LAVAGEM, garantindo assim o retorno para o ciclo produtivo.

No Brasil, segundo dados do Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias – INPEV, entre 2002 e 2016 foram retirados do meio ambiente, mais de 480 mil toneladas de embalagens vazias de defensores agrícolas. Em 2016, 44 mil toneladas do material foram retiradas de circulação.

A campanha coletou 5.113 mil embalagens vazias no total, de 43 produtores rurais, para dar o destino correto, visando à preservação do Meio Ambiente. Segundo o Engenheiro Agrônomo , o Recinto Casco de Ouro foi o único ponto de coleta, pois a coleta é feita por pessoal treinado por meio de uma parceria com a ADIAESP (Associação dos Distribuidores de Insumos Agrícolas do Estado de São Paulo).